Bilhetes VIP PACKAGES METALLICA WORLDWIRED TOUR 360º | Blueticket

Sinopse

The Hardwired Experience

2.399 EURO/bilhete package – VIP1

o    Cash bar: duas bebidas gratuitas e poderá ainda adquirir bebidas extra***

o    Jantar Buffet no ‘Spit Out The Bone’

o    Acesso à exposição ‘Memory Remains’: uma nova exposição com memórias da banda, guarda-roupa dos espetáculos, instrumentos, objetos pessoais e muito mais.

*Limitado a 12 fãs

**Os membros da banda podem variar de espetáculo para espetáculo

***aplicada a legislação local em vigor

Nota, a hora e local do pre-show poderá variar consoante o venue e poderá realizar-se durante o dia num local exterior ao venue.

 

The Whiplash Experience

369 EURO/bilhete package – VIP2

o    Cash bar: uma bebida gratuita e poderá ainda adquirir bebidas extra*

o    Jantar Buffet no ‘Spit Out The Bone’

o    Acesso à exposição ‘Memory Remains’: uma nova exposição com memórias da banda, guarda-roupa dos espetáculos, instrumentos, objetos pessoais e muito mais.

* aplicada a legislação local em vigor

Nota, a hora e local do pre-show poderá variar consoante o venue e poderá realizar-se durante o dia num local exterior ao venue.

 

The Unforgiven Experience

179 EURO/bilhete package – VIP3

Nota: A entrada antecipada E o acesso à exposição "Memory Remains" não estão incluídas neste package.

 

Cada bilhete inclui, à escolha, uma cópia física* ou digital da versão standard de Hardwired...To Self-Destruct. Após a compra, será enviado um código de rebate.

Cada código é exclusivo e pode apenas ser utilizado para acesso a uma única cópia de Hardwired…To Self-Destruct. Se já tem uma cópia de Hardwired...To Self-Destruct partilhe com a sua família, amigos, colegas ou mesmo com alguém que queira melhorar a sua coleção de álbuns! Todos os detalhes de como poderá oferecer o álbum serão dados na página de rebate.

*As cópias físicas têm um custo de expedição.

 

Os Metallica acabam de anunciar as datas europeias da digressão "WorldWired Tour", de promoção ao novo álbum "Hardwired… To Self-Destruct", sendo que Lisboa é uma das datas contempladas. O grupo norte-americano regressa assim a Portugal no início do próximo ano, a 1 de fevereiro de 2018, à MEO Arena. A digressão arranca com dois concertos em Amesterdão, nos dias 4 e 6 de setembro. Os noruegueses Kvelertak vão fazer as primeiras partes da digressão.

 

Os Metallica associaram-se à CID Entertainment para oferecer três opções que permitem uma experiência mais completa desta digressão, incluindo bilhetes premium e outras facilidades, acesso prévio à sala de espetáculos, uma visita à exposição de memorabilia "Memory Remains", bem como meet & greets, através dos quais é possível conhecer a banda. Para informações detalhadas quanto a estas ofertas consulte:

http://www.cidentertainment.com/events/metallica-europe-tour-2017/

"Hardwired… To Self-Destruct" foi lançado a 18 de novembro de 2016, com o selo da Blackened Recordings, dos próprios Metallica, tendo entrado para o 1.º lugar dos tops de vendas em todo o mundo, ultrapassando as 800 mil cópias vendidas na semana de lançamento. O álbum foi produzido por Greg Fidelman com James Hetfield e Lars Ulrich e está disponível em vários formatos em www.metallica.com.

Em Portugal, o álbum também teve entrada direta para o 1.º lugar do top de vendas, tendo atingido o Galardão de Ouro.

 

Compra de bilhetes standart aqui

 

SOBRE METALLICA

A história dos Metallica começa em Los Angeles, no ano de 1981, com Lars Ulrich e James Hetfield, Ron McGovney (baixo) e Dave Mustaine (guitarra). Dois anos depois, chega Cliff Burton e é gravado "No Life'Til Leather" . Mustaine sai e os Metallica gravam em Nova York o primeiro LP, com Kirk Hammett na guitarra. "Kill'Em All" mostra a verdadeira energia da banda. Em 1984 sai o segundo álbum: "Ride the Lightning", que ficou 50 semanas no Top 200 da Billboard. Ficou então claro que os Metallica não eram só mais uma Banda de Heavy Metal. Dois anos mais tarde os Metallica lançam "Master of Puppets", que vende um milhão de cópias só nos Estados Unidos, mas esse ano fica também marcado pela morte de Cliff Burton em Setembro de 1986, que foi então substituído por Jason Newsted. No ano seguinte sai "Cliff' em All", um vídeo de tributo ao baixista falecido, e o quarto LP:."And Justice For All", que bate recordes de vendas.

Em 91 sai "Metallica" ou "The Black Album" (como também é chamado), que divide críticos e fãs, porventura pela influência do novo produtor Bob Rock, o que não impediu que se repetisse o sucesso.

Depois de um ano de férias coletivas, os Metallica voltam a estúdio para gravar Load, que sai em 96 e em 1997, "ReLoad", com os trabalhos não editados de "Load"

Em 1998 sai "Garage Inc", um álbum de covers e em 1999 os Metallica anunciam a gravação de “S & M”, um álbum ao vivo com orquestra , de onde se destaca o mega êxito “Nothing Else Mathers” .

Jason Newsted deixa os Metallica e James Hetfield interna-se numa clínica de reabilitação , tendo a banda parado por uns tempos.  Em 2003, os Metallica voltam em grande. O baixista Robert Trujillo é escalado para ocupar as quatro cordas e o inédito "St. Anger" é lançado. Muito mais pesado do que os últimos trabalhos do grupo, esse álbum traz de volta o peso e a agressividade do som dos Metallica

O disco sucessor, "Death Magnetic" (2008), foi produzido por Rick Rubin e, mais tarde, em 2011 gravam e "Lulu" em parceria com Lou Reed, mas que recebeu por parte do público críticas mistas.

Em 2012, a banda fundou sua própria produtora, chamada Blackened Recordings, e adquiriu os direitos de todos os seus álbuns de estúdio.

O mais recente álbum de originais é "Hardwired...to Self-Destruct", lançado no fim de 2016, que em Portugal teve entrada direta para o primeiro lugar do TOP Nacional de Vendas, sendo bastante aclamado pela crítica internacional chegando a considerar o melhor álbum dos Metallica nos últimos 25 anos.

A 1 de fevereiro de 2018, os Metallica regressam a Portugal, ao palco da Altice Arena com a poderosissíma WorldWired Tour!

A não perder!!!

loading